Inner Workings: Como Conciliar a Mente e o Coração?

October 20, 2020

 

O curta Inner Workings, produzido em 2016 pela Disney e dirigido pelo brasileiro Leo Matsuda, aborda de forma lúdica, simbólica e profunda, o dilema que todos nós temos entre razão e emoção, ou entre mente e coração, ou ainda entre o jeito lógico e o jeito mágico de se Viver. 

 

 

Paul, o personagem principal, é um trabalhador de escritório que vive uma rotina diária bem repetitiva. Todos os dias indo para o trabalho ele encontra pessoas se divertindo, na praia, comprando óculos de sol, tomando sorvete e essa visão lhe causa uma angústia interna, pois enquanto no coração Paul sente um desejo enorme de viver esses momentos agradáveis, no cérebro, ele cria uma série de obstáculos imaginários como medos, limites de horário, etc. O filme então, ilustra exatamente como seus órgãos internos respondem a essa angústia.

 

Isso nos acontece o tempo todo, mas a tendência é não percebermos exatamente como o conflito está acontecendo, pois nossa consciência geralmente está voltada para o mundo exterior. Raramente paramos para pensar sobre o que acontece dentro de nós quando somos muito metódicos, ou quando fazemos as coisas com alegria e com desprendimento.

 

 

Uma pessoa é a reunião de várias dimensões acontecendo ao mesmo tempo em um único corpo: células, tecidos, glândulas, sistemas, como sistema respiratório, sistema nervoso, sistema digestivo, entre outros. Além dessa dimensão física, concreta, há dimensões mais sutis, como a das emoções e a dos pensamentos. Nós somos, em certa medida, todos esses aspectos integrados. 

 

Constantemente vivemos conflitos entre esses aspectos. Às vezes nosso corpo quer algo, nosso coração quer outro e nossa mente apela para uma terceira escolha. Geralmente, o que o corpo quer é bem grosseiro, como repousar muito, comer muito, etc. O que as emoções querem é ter sensações, querem sentir o tempo todo, querem sorrir, chorar, se assustar, etc. Já a mente concreta tende a ser lógica, fria e calculista. 

 

A princípio, parece que essas áreas da nossa Vida são sempre inimigas umas das outras, pois estão sempre em conflito. Mas a verdade é que não são antagônicas, são complementares. Nós somos munidos pela Natureza com um corpo, um coração e uma mente, que são três grandes potências indispensáveis para a realização da Vida. Se essas áreas do nosso Ser estão em conflito é porque está faltando um governo interno para reger todos esses instrumentos.

 

 

Na animação, se Paul deixar o cérebro governar, a tendência é sua Vida se tornar tão insuportável que pode o levar a querer o fim da experiência, ou seja procurar um caixão e se trancar dentro. Por outro lado, se ele deixar as emoções e o corpo governarem a tendência também é uma autodestruição. Qual seria a solução para Paul então?

 

A resposta é: ele terá que governar todos os seus veículos, mente, coração e corpo físico. Ele precisa encontrar um jeito de governar a Vida, ganhar poder sobre as circunstâncias e não deixar ser governado por impulsos físicos, emocionais, ou mesmo por esquemas mentais, como crenças limitantes. 

 

Essa animação da Disney é uma aula de filosofia, pois nos leva a refletir sobre nossos processos internos, aqueles que não estão ao alcance imediato da nossa visão. E nos mostra que eles são complementares, pois a reunião de todos esses trabalhos internos é o que nos faz existir. Diante dessa descoberta, precisamos encontrar dentro de nós um núcleo que dirija todas essas nuances e que não deixe esses impulsos agirem ao seu “bel prazer”, atropelando as necessidades uns dos outros. Como se faz isso? Como se encontra este núcleo interno que deve governar todas as partes da nossa existência? A resposta é: primeiro vem a Vontade. Querer profundamente encontrar esse ponto de Unidade dentro de si mesmo, já é um grande início. É preciso encontrar este sentido de Vida que justifica as nossas ações, desde o acordar, se alimentar, se divertir e trabalhar. Em segundo lugar, é preciso colocar a Vontade em ação, com muita Disciplina. Só assim encontramos o governo interno que tanto precisamos.

 

Inner Workings nos mostra que, mesmo com todas essas “vozes” dentro de nós, e tendo que atender às obrigações profissionais e às questões sociais, que são necessárias para o Ser Humano, é possível viver uma Vida Harmônica e Feliz. Cabe a nós, agora, colocar em prática essa reflexão que acabamos de fazer.

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

DIFICULDADE COM AS LEGENDAS?

Caso você não saiba ativar as legendas nos vídeos do youtube, clique aqui para acessar o tutorial.

  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon
Procurar por Tags
Histórico de publicações
Please reload

Please reload

Siga essa Idéia

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Você também vai gostar
Please reload

© 2017 por "Equipe Feedobem". Orgulhosamente criado pela Feedobem

    Gostou do nosso portal? Nos ajude a elaborar artigos e

conteúdos cada vez melhores para vocês. ;-)