O Mistério dos Moais

April 14, 2020

 

 

Você provavelmente já viu alguma foto desses curiosos objetos: 

 

 

Conhecidos como Moais, essas enormes estruturas de pedra compõem o cenário da Ilha de Páscoa, província ao sul do pacífico, a 3.700km da costa do Chile.

 

Além dessas imagens despertarem nossa curiosidade por não sabermos do que se tratam, há um grande mistério envolvendo o aparecimento delas na ilha: Como elas foram construídas? Como elas foram transportadas? Por que foram construídas?

 

O mistério começa com antigos habitantes do local, um grupo polinésico que atravessou o oceano em pequenas embarcações, com poucos recursos de navegação, até chegar a ilha. Não se sabe se a chegada deles foi acidental ou não, o que buscavam exatamente, ou a data exata. Pelos estudos, sabe-se que o grupo era relativamente pequeno e que não chegou a 100% de ocupação da ilha. O que nos faz entrar na segunda parte intrigante da história.

 

 

 

Após a consolidação desse povo na Ilha de Páscoa, surgem os Moais. Uma média de 800 estruturas de rocha, com 4 metros de altura e mais de 10 toneladas, espalhadas pela região. A grande pergunta é: qual a finalidade dos Moais? As hipóteses são de que eram representações de Deuses, utilizadas para cultos, oferendas e celebrações. Além do que serviam para delimitar espaços.

 

A rocha que compõe o Moai é vulcânica, originária do vulcão Rano Raraku, pesada e distante do local onde os moais se encontram. Então, os habitantes da Ilha, os Rapa Nui, provavelmente esculpiam os Moais próximo às rochas originárias para depois transportá-los. Como eles conseguiram esculpir na dureza da rocha vulcânica e formar as faces dos moais? Mais um mistério não desvendado!

 

E aí surge um dos maiores enigmas da arqueologia: como foi feito o transporte dessas estruturas pela ilha sem nenhum tipo de tecnologia e com um  pequeno número de pessoas? Uma das teorias diz que foi por processo de ‘rolamento’. Inúmeros troncos de árvores eram colocados sob o chão e as estruturas eram puxadas em cima dos troncos, similar à uma esteira. Quantas árvores não seriam necessárias para esta operação? Essa teoria explica a visível falta de árvores pela ilha, como se houvesse um desmatamento para poder montar a ‘operação transporte’. Mas há muitos furos nesta teoria: como troncos de árvores aguentariam um peso tão elevado? Mesmo dando certo o rolamento de um Moai sobre os troncos, imagina a força que um grupo de homens teria de fazer para realizar o rolamento… é quase sobre-humana!

 

A outra teoria é a que mostra o vídeo abaixo testado por pesquisadores:  

 

                                        

 

 

Através de um processo de “puxa e repuxa”, os Moais andariam pela ilha guiados pela corda. Mas pensemos: o Moai do vídeo é bem menor do que os originários da Ilha de Páscoa, então temos que aumentar a dificuldade por alguns metros e toneladas a mais! No vídeo, ele se movimenta em linha reta, o terreno está plano, sem vegetação...Mas imagina como era o terreno na época real? Com certeza não se percorreria a ilha inteira numa planície de vegetação rasteira e estradas prontas.  E a força braçal desses homens? Poucas horas movimentando já seriam suficiente para levá-los a um esgotamento do corpo, e a distância avançada seria de apenas alguns metros. Agora imagina levar 887 estátuas dessa forma! Quantos anos não levaria esse transporte?

Nos anos 90, uma empresa japonesa resolveu desenterrar 15 Moais submersos por um maremoto na ilha. Com todo o aparato tecnológico de guindastes, caminhões e a mente de diversos engenheiros, o que estava previsto para ser feito em 3 meses levou 3 anos! Só justificando que não é tão simples quanto parece.

 

E o que nos resta então? Ou acreditar que foi tecnologia alienígena (muitas correntes defendem esta teoria)  ou de que os habitantes da Ilha de Páscoa eram portadores de uma sabedoria e tecnologia que não temos mais. Afinal, este não é um caso único. Até hoje as construções egípcias continuam sem resposta, o stonehenge sem explicação, as linhas de Nazca e as pirâmides da América pré-colombiana também!

 

 

 

Filósofos gregos, tais como Platão, afirmavam que no passado houveram civilizações compostas por grandes homens, repletos de sabedoria e conhecimento profundo das leis da natureza. Talvez estes homens soubessem manipular a pedra, o fogo, a água, elementos da natureza, de formas que não conhecemos mais hoje, devido à perda deste conhecimento. Afinal, quantas invasões não houveram no Egito, ou nas terras dos povos Maias? Quantos cataclismas não assolaram a Ilha de Páscoa ou o Peru?

 

Ou talvez, essas construções foram feitas para permanecerem misteriosas e nos inspirar. Mostrar que o ser humano tem um poder muito maior do que se imagina, e que tal poder está muito mais no conhecimento da natureza e da própria mente, do que nas máquinas e nos recursos materiais. Com certeza, em sua vida você já participou de alguma tarefa que parecia impossível. Guarde esta memória como um símbolo, pois este é o seu “Moai” que vai sempre lhe lembrar do poder que habita em você.

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

DIFICULDADE COM AS LEGENDAS?

Caso você não saiba ativar as legendas nos vídeos do youtube, clique aqui para acessar o tutorial.

  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon
Procurar por Tags
Histórico de publicações
Please reload

Please reload

Siga essa Idéia

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Você também vai gostar
Please reload