Simbolismo da Páscoa

March 27, 2018

 No primeiro domingo após a lua cheia do equinócio de outono/primavera (hemisférios sul e norte, respectivamente), chega a Páscoa, data móvel, associada ao pesach, passagem, a travessia do mar vermelho, entre Judeus, e a passagem da morte para a vida (ressurreição) de Cristo, entre os cristãos. Mas a passagem pelo signo de Áries, o “cordeiro de Deus”, o mesmo Khnum egípcio, o topador das trevas, inaugurando um novo ciclo pleno de luz e vida, vem de longas datas, muitas vezes associada ao ovo, como símbolo do gérmen de um novo ser, e à lebre, ligada à fertilidade, e a tantas, tantas outras histórias revestidas do mesmo significado, ao longo do tempo e do espaço, no oriente e no ocidente.

 

Filosoficamente, poderíamos resumir tudo a uma palavra: renascimento, esta arte da qual a natureza é mestra, ao substituir corpos antigos por novos, através dos quais continua a desenvolver suas ideias divinas, levando-as o mais próximo possível de sua perfeição ou ideal. Quanto aos homens, submetidos às leis de um mundo de formas transitórias, não lhes resta senão a opção de também reavaliar, periodicamente, suas ideias, inspirações e sentimentos mais nobres, apresentando-os em novas e mais aperfeiçoadas formas de ação, palavra e pensamento, mais próximas do ideal humano, pois, enfim, o renascentista é um humanista, um construtor constante de si próprio em expressões cada vez mais belas, justas e verdadeiras. 

 

Enfim, se não acredito em nenhuma mudança possível em mim, senão aquela do envelhecimento, trazida pelo tempo e não pela vontade, a Páscoa nunca passará de uma data no calendário, uma confraternização, uma celebração com muito pouca vida (numa data que celebra exatamente a vida!) “Honrai as verdades com a prática”, dizia uma antiga filósofa... Apresente ao mundo uma versão mais nobre e completa de si mesmo, preenchendo todos os espaços possíveis com valores humanos, praticando-os, integrando-os como sua resposta à vida a partir de agora. A natureza já deu os sinais de que espera por isso: a Páscoa se aproxima. Feliz renascimento!

 

Texto da Prof.ª Lucia Helena Galvão.

Publicado originalmente na página do Facebook da Nova Acrópole Brasil. 

 

Assista também o vídeo abaixo, no qual a Professora comenta um pouco mais sobre os símbolos da Páscoa:

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

DIFICULDADE COM AS LEGENDAS?

Caso você não saiba ativar as legendas nos vídeos do youtube, clique aqui para acessar o tutorial.

  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon
Procurar por Tags
Histórico de publicações
Please reload

Please reload

Siga essa Idéia

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Você também vai gostar
Please reload

© 2017 por "Equipe Feedobem". Orgulhosamente criado pela Feedobem

    Gostou do nosso portal? Nos ajude a elaborar artigos e

conteúdos cada vez melhores para vocês. ;-)