Como Lidar Com Críticas?

September 4, 2018

 

O violinista norueguês Ole Bull, século XIX, após anos de estudos, resolveu realizar concertos como músico profissional. Num desses concertos, um crítico de música assistiu sua apresentação e publicou no jornal da época sua crítica, chamando Ole de um "músico mau treinado [...] que se comparado a um diamante, estaria no estado mais bruto".

 

Antes de contar o final da história, vamos refletir um pouco e nos colocar no lugar de Ole. Fazemos o nosso trabalho, ao qual passamos meses nos preparando e recebemos uma crítica pesada, espalhada aos quatro cantos do mundo, para quem quiser ouvir, e conhecemos a pessoa que nos criticou. Diante de tal cenário, podemos assumir 3 posturas: 1- Se chatear, obviamente, pois ninguém se sente bem sendo criticado, e dar uma resposta para a crítica que foi feita, ou seja, se defender; 2 - Simplesmente ignorar o que foi dito, ou 3- Buscar a pessoa que nos criticou e querer aprender com a crítica.  Não precisamos pensar muito para perceber que em 99% dos casos exercitamos a opção 1 ou 2.
 

Não reagimos muito bem às críticas, tendemos a ficar reativos, "armados" emocionalmente ante elas. Quando alguém nos dá um feedback do tipo “olha, você poderia melhorar nesse ponto”, ou “esse serviço poderia ter sido mais bem feito”, automaticamente ligamos nossos escudos, nossas armas, e nos irritamos, nos fechamos para não ouvir aquela opinião. Como resposta ao que ouvimos, mentalmente criticamos e/ou xingamos o crítico. Mas por que fazemos sempre isso? Porque nos irritamos em ouvir as críticas? 
 

Existem algumas teorias para essa nossa postura. A primeira é a de que não
aceitamos um ponto de vista diferente do nosso, consideramos ter sempre a visão certa das coisas, o que é um problema, porque muitas vezes nossas opiniões podem estar embasadas em falsas crenças, em preconceitos e mau gostos, gerando pontos de vistas distantes da realidade. Para resolver esse estado de pensamento, precisamos ter a mente aberta, e ver que todos as pessoas possuem um pedaço da verdade. Um olhar diferente do nosso traz mais vantagens do que desvantagens, pois mostrará ideias e opções novas que nosso olhar nunca captaria, pois vê sempre da mesma forma. Para conseguir ter essa visão, é preciso sinceridade conosco mesmos, não ter raiva de nossos defeitos e erros, aprender com eles, e ter a humildade para reconhecê-los. Sem sinceridade não conseguimos ser humildes. A outra teoria é a de que somos muito vaidosos, não aguentamos ouvir algo que "derrube" nossa imagem pessoal. É preciso estar de coração aberto ao que nos falam, pois aí está a oportunidade para novos aprendizados e reflexões sobre nós mesmos. Estamos aqui para crescermos como seres humanos, e não nos tornarmos cada vez mais vaidosos e orgulhosos!

 

 

Como você pôde escutar no podcast, ao invés de ignorar seus defeitos, Ole Bull se dirigiu ao jornal que o crítico trabalhava e foi conversar com ele. Humildemente, pediu para que explicasse todos os comentários. O crítico apontou as falhas do músico e deu uma série de conselhos para que melhorasse sua performance. Depois dessa tarde de conversa, o violinista passou a estudar as técnicas de forma diferenciada, procurou novos professores e melhorou sua arte. Em 1837, Ole Bull realizou 274 concertos somente na Inglatera, feito nunca realizado por ele antes! Que possamos nos inspirar com Ole e adquirir a postura de aprender com tudo, as críticas e os elogios, afinal, o que seria de nossas vidas se não tivéssemos as oportunidades de crescermos e nos melhorarmos como seres humanos?

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

DIFICULDADE COM AS LEGENDAS?

Caso você não saiba ativar as legendas nos vídeos do youtube, clique aqui para acessar o tutorial.

  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon
Procurar por Tags
Histórico de publicações
Please reload

Please reload

Siga essa Idéia

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Você também vai gostar
Please reload

© 2017 por "Equipe Feedobem". Orgulhosamente criado pela Feedobem

    Gostou do nosso portal? Nos ajude a elaborar artigos e

conteúdos cada vez melhores para vocês. ;-)