Paperman e os Símbolos da Vida

August 17, 2018

 

O que é um símbolo? Um símbolo é uma imagem que carrega um conteúdo, um significado, capaz de sintetizar uma ideia. As civilizações antigas eram repletas de símbolos, o yin e yang chinês, os louros das vitórias gregos, a águia romana, cada um com um significado profundo por trás, que fazia o papel de ponte para os homens. Eles olhavam para a imagem, e automaticamente se relacionavam com a ideia que ela carregava. 

 

Muitos filósofos comentam que a nossa vida, como um todo, é simbólica. A Natureza quer que nos tornemos seres humanos melhores, quer ajudar no nosso crescimento, e a forma como ela nos ajuda é através dos símbolos. Se o homem entende os símbolos da vida, ele aprende com os mesmos e cresce. Se os ignora, o homem permanece estagnado, pois não consegue aprender com a vida. A questão é: como podemos enxergar esses símbolos? Como saber se realmente é algo para nosso crescimento ou apenas fantasia da nossa mente?    

 

Para entender essa linguagem da vida, não se trata de ficar apegado ao fato em si, mas de buscar o significado daquele acontecimento, tentar entender o que aquilo diz sobre nós mesmos. Por exemplo, se todos os dias eu me atraso, pois tenho problemas com o trânsito, isso me mostra que eu preciso desenvolver melhor a minha disciplina e aprender a lidar com essa realidade. Esse tipo de experiência, podemos ter em praticamente qualquer situação. Pode ser em uma conversa com o vizinho, no engarrafamento ou no trabalho, tudo pode ser símbolo. Vai depender da nossa capacidade de estarmos atentos ao que se passa à nossa volta e do quanto refletimos sobre nossas condutas em todas as situações. 

 

Para ficar ainda mais claro, e nos ajudar a decifrar os nossos símbolos, apresentamos mais um exemplo: imagine que uma pessoa X necessita trabalhar mais a paciência, se tornar menos agressivo, menos estressado e mais calmo. Quais serão os símbolos à sua volta que o ajudarão a enxergar a sua falta de paciência? Sempre que ela tenta mudar de faixa no transito, a faixa para a qual ela muda fica mais lenta. Nas filas do banco e do supermercado, coincidentemente, ela sempre fica com os funcionários mais lentos. Na vez dela, o elevador sempre demora...essas situações parecem aleatórias, aparentam não ter significado nenhum. Mas, esses fatos acontecendo por meses seguidos, sempre envolvendo a paciência da pessoa X, será que não são símbolos de algo que ela precisa desenvolver? Exercitar?

 

O grande psicanalista Carl Jung, criou um conceito que explica essa situação da pessoa X, a qual ele chamou de sincronicidade. Este termo é utilizado para definir acontecimentos que se relacionam não por relação causal, e sim por relação de significado, ou seja, diversas situações podem surgir com o mesmo significado em nossa vida, são formas diferentes que a Vida encontra de nos ensinar a mesma ideia. No livro “Cem dias entre céu e mar” de Amyr Klink, em vários momentos aparentemente aleatórios, Amyr encontrava exatamente o que ele precisava para dar o próximo passo no seu projeto de travessia do Atlântico, que ele mesmo cita como sincronicidade.

 

No livro “Cem dias entre céu e mar” de Amyr Klink, em vários momentos aparentemente aleatórios, Amyr encontrava exatamente o que ele precisava para dar o próximo passo no seu projeto de travessia do Atlântico, que ele mesmo cita como "sincronicidade". Este conceito, que foi criado pelo grande psicanalista Carl Jung, é utilizado para definir acontecimentos que se relacionam não por relação causal, e sim por relação de significado, ou seja, diversas situações podem surgir com o mesmo significado para nós. São formas diferentes que a Vida encontra de nos ensinar a mesma ideia. 

 

Os símbolos não trazem a solução em si, trazem o alerta, a mensagem, para que possamos ficar mais atentos à nossa volta, mais conscientes das nossas ações, e do que realmente precisa ser aperfeiçoado dentro de nós mesmos. 

 

Confiram o vídeo em anexo, ganhador do Oscar em 2013 como melhor curta. De forma romântica e divertida, observamos um caso de sincronicidade! O trem, o papel, o aviãozinho, prédios vizinhos... Tudo "conspirou" para que eles se reencontrassem. 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

DIFICULDADE COM AS LEGENDAS?

Caso você não saiba ativar as legendas nos vídeos do youtube, clique aqui para acessar o tutorial.

  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon
Procurar por Tags
Histórico de publicações
Please reload

Please reload

Siga essa Idéia

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Você também vai gostar
Please reload

© 2017 por "Equipe Feedobem". Orgulhosamente criado pela Feedobem

    Gostou do nosso portal? Nos ajude a elaborar artigos e

conteúdos cada vez melhores para vocês. ;-)