O Segredo dos Templários


O que você conhece sobre os Cavaleiros Templários? Existem inúmeros relatos sobre suas façanhas, guerras, construções e personalidades, mas, qual foi o papel destes cavaleiros para a história? Qual o motivo que os fizeram sair de seus mosteiros, e irem em direção à terra santa? Qual o segredo dos Templários?

Primeiramente, temos que entender o contexto histórico/político em que estes cavaleiros surgem, que foi a Idade Média. Este longo período histórico, conhecido também como "Idade das Trevas", que se estendeu do século V ao XV, foi muito marcante para a humanidade, por ter sido um período de decadência de valores morais, da educação, da religião e de todos os pilares culturais e científicos que enriqueceram as civilizações da antiguidade. O cristianismo, que era a religião predominante da Idade Média, se tornou uma forma de manipular os mais ignorantes, que não tinham acesso a nenhum tipo de educação. Desta forma, qualquer coisa que trouxesse ideias "contrárias" à doutrina da Igreja era omitida, e aqueles que tentassem confrontar, tornavam-se criminosos hereges.

Dentro desse contexto, surge um grupo de homens que conhecia o real valor das tradições antigas, com um projeto de manter viva a filosofia clássica durante a Idade Média. Eles queriam garantir, para o futuro, a moral e a espiritualidade, através da preservação dos ensinamentos, mitos, livros e filosofias. Assim, Bento de Núrsia, famoso São Bento, cria um mosteiro composto por homens da igreja, que secretamente estudavam temas proibidos, tinham aulas de filosofia, estudavam os clássicos greco-romanos e monitoravam obras de artes e tesouros que pertenciam a humanidade. Surge então, a Ordem dos Beneditinos.

Com o passar do tempo, a Ordem foi aumentando, ganhando renome e poder. Eles aconselhavam reis, papas e tornaram-se altamente influentes. Com isso, surgiu a necessidade de atuarem de forma mais ativa na sociedade, para que fosse possível expandir as fronteiras geográficas. Então, Hug de Payns cria a Ordem dos Cavaleiros Templários, com a missão de proteger os peregrinos que atravessavam a Europa para chegar na Terra Santa.

Apesar de se apresentarem como cavaleiros aptos ao combate, estes monges guerreiros atuavam de forma altruísta pela humanidade, como observamos em seu famoso lema: "Non nobis Domine, non nobis, sed nomini tuo ad gloriam", que significa: "Não a nós, Senhor, não a nós, mas pela Glória de teu nome”. O que mostra que, tudo que eles faziam era em nome de uma ideia mais elevada, em nome do divino, em nome da busca pela união do ser humano com o sagrado. Fica claro, que esta não era apenas uma frase dita da boca para a fora, pois, apesar da Ordem ser muito rica, cada um dos cavaleiros fazia voto de pobreza. E graças a esse importante trabalho, muitas obras foram preservadas, podendo chegar aos grandes artistas e pensadores, que abriram as portas da Idade Média para o renascimento e mudaram o quadro histórico. Infelizmente, a Ordem chega ao seu fim, pela sede de poder do rei da França, Felipe, o Belo, que trava uma guerra contra os Templários, interessado em suas riquezas e seus segredos.

Não sabemos o que ocorreria se a Ordem dos Templários perdurasse, mas podemos aprender com o exemplo destes cavaleiros, que sacrificaram suas vidas em nome de ideias nobres. Mostraram que o poder de um Ideal de Sabedoria e Generosidade é capaz de unir seres humanos, por mais adverso que seja o contexto inserido, e que uma civilização não pode abrir mão do seu passado e de suas tradições, pois esta bagagem histórica é o que nos ensina a melhor forma de se preparar para o futuro.

DIFICULDADE COM AS LEGENDAS?

Caso você não saiba ativar as legendas nos vídeos do youtube, clique aqui para acessar o tutorial.

  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon
Procurar por Tags
Histórico de publicações
Siga essa Idéia
Você também vai gostar

© 2017 por "Equipe Feedobem". Orgulhosamente criado pela Feedobem

    Gostou do nosso portal? Nos ajude a elaborar artigos e

conteúdos cada vez melhores para vocês. ;-)