O Julgamento do Imperador!

June 1, 2018

 

O final do século XVIII e o início do século XIX estamparam nas páginas da história o nome do Imperador Napoleão Bonaparte. O então soldado francês, filho de uma nobre família italiana, entrou para os anais da história pela porta da frente, durante um momento conturbado para a França. O país estava em meio a uma revolução. Uma intensa luta, com muito derramamento de sangue, estava sendo travada há anos. Inicialmente, a burguesia revolucionária levou para a guilhotina todos os membros da coroa francesa e seus apoiadores. Posteriormente, os revolucionários continuaram guilhotinando uns aos outros, trocando acusações de traição. Para agravar a situação, os países vizinhos decidiram intervir nos conflitos, com receio de que os ideais revolucionários se espalhassem, junto com esse método de promover "Igualdade, Fraternidade e Liberdade" através das guilhotinas.

 

Foi diante do cenário acima, que Napoleão começou sua escalada, que acabou por proclamá-lo Imperador da França, o que trouxe um pouco de paz para aquele povo. Talvez tudo isso você já saiba, assim como sabe também da má fama de um Imperador de baixa estatura, mas com mania de grandeza, que decidiu dominar toda a Europa.

 

O vídeo abaixo coloca Bonaparte como réu num tribunal, são apresentadas as versões da acusação e da defesa, e você fica na difícil posição de júri. Vamos tentar ajudá-lo nessa complicada tarefa de fazer uma justa análise desse personagem.

 

Por um lado, os anos no poder e o excelente histórico de conquistas e batalhas vencidas nutriram em Napoleão a vaidade e a arrogância, que inclusive o fez perder batalhas importantíssimas, como a Campanha da Rússia. Mesmo tendo sido advertido por seus conselheiros a não entrar no Império Russo no período do inverno, ainda assim, ele decidiu avançar com as tropas de 600 mil homens. O preço desse erro foi uma das derrotas mais marcantes de toda a história, inclusive foi o ponto de virada nas Guerras Napoleônicas. Bonaparte retornou a Paris tendo perdido cerca de 95% de seu exército.

 

Em contrapartida, ele foi um Imperador extremamente preocupado com seu país e seu povo. Desde que subiu ao trono francês, Bonaparte reformulou o ensino aos jovens na frança, focando na formação da população, investiu na cultura do país e fundou o banco da França, que por causa da regulação da emissão de moedas, reduziu a inflação e fortaleceu a economia do país, entre muitas outras medidas voltadas para o bem da nação. Demonstrando assim, ser um líder capaz de restaurar a dignidade do seu povo e reuni-lo em torno de um espírito de nação.

 

A verdade é que é muito difícil fazer um julgamentos dessas grandes figuras da história. No fim das contas, eles são seres humanos como todos nós, pessoas que acertam e que erram. A diferença é que eles acertam grande, mas também cometem grandes erros.

 

Isso também nos faz refletir sobre como tendemos a julgar as pessoas, sejam personagens históricos ou pessoas comuns do nosso dia a dia, sem nem ao menos buscar compreender os fatores que as levaram a agir da forma que agem, sentir as coisas que sentem, pensar da forma que pensam e ser da forma que são.

 

Agora, assista ao vídeo a seguir, e então, com todas essas informações, reflita e compartilhe conosco as suas conclusões. Não esqueça de ativar as legendas em português!

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

DIFICULDADE COM AS LEGENDAS?

Caso você não saiba ativar as legendas nos vídeos do youtube, clique aqui para acessar o tutorial.

  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon
Procurar por Tags
Histórico de publicações
Please reload

Please reload

Siga essa Idéia

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Você também vai gostar
Please reload

© 2017 por "Equipe Feedobem". Orgulhosamente criado pela Feedobem

    Gostou do nosso portal? Nos ajude a elaborar artigos e

conteúdos cada vez melhores para vocês. ;-)